Dezembro 7, 2021

Portal Voz do Brasil

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que você deseja saber mais sobre no Journaloleme

Biden: ‘Não tenho certeza’ se a agenda Melhor embutida mudará a eleição da Virgínia

Na terça-feira, ele evitou dizer que era o responsável pela derrota do ex-governador democrata Terry McAliffe, mas disse que seu plano de infraestrutura e gastos sociais já deve ser aprovado no Congresso.

“Mas não sei se posso mudar o número de conservadores que retornam aos distritos vermelhos onde Trump era eleitor”, disse Biden em resposta a uma pergunta de Kristen Welker, da NBC News.. “Mas talvez. Talvez.”

Quando Welker afirmou que Biden venceria o estado por 10 pontos em 2020, ele respondeu que concorreria contra o ex-presidente Donald Trump. O presidente também citou a história como explicação para a perda de McAuliffe, dizendo que os virginianos geralmente elegem o governador de um partido não controlado pela Casa Branca.

Embora a disputa para governador da Virgínia seja uma eleição estadual, ela é vista como um indicador chave para as eleições de meio de mandato cruciais em novembro próximo. As pesquisas estaduais e nacionais mostraram um declínio significativo na aprovação de Biden, e os democratas têm uma maioria mínima no Congresso.

Trump manteve uma presença significativa na corrida da Virgínia porque McAuliffe buscou implacavelmente ligar o Young ao ex-presidente que apoiava o Partido Republicano. Biden mencionou repetidamente Trump Durante uma campanha de McAuliffe na Virgínia na semana passada, Youngkin foi chamado de “Acolite” do ex-presidente.

Quando o presidente foi questionado quantas vezes ele mencionou o nome de Trump na semana passada e se os eleitores gostariam de ouvir Biden falar sobre seu antecessor, a entrevista coletiva de quarta-feira também se referiu a Trump.

“Bem, a razão pela qual mencionei Trump – não conto o tempo – porque as questões que ele defende afetam suas vidas todos os dias e têm um impacto negativo em suas vidas”, disse ele.

READ  James Michael Tyler, que estrelou o filme 'Friends', morreu aos 59 anos