MP abre inquérito para investigar prefeito de Augustinópolis por sonegar documentação de licitação de medicamentos

Inquérito para investigar o prefeito Júlio Oliveira (PRB) é instaurado pelo Ministério Público Estadual do Tocantins (MPE). O objetivo da investigação é apurar uma possível sonegação de informações sobre o processo licitatório número  081/2018, referente a uma distribuidora de medicamentos, contratada pela Prefeitura do município de Augustinópolis, região do Bico do Papagaio.

O Ministério Público Estadual, pretende apurar além do acesso negado à documentação, a não publicação do contrato da empresa no Portal da Transparência da Prefeitura, o que impossibilita a obtenção dos documentos para fins de fiscalização.

Também será investigado, nesse caso, se o atual chefe do executivo municipal praticou ato de improbidade por violação de princípios da administração pública.

Leia também

comments