IMPERATRIZ: MPF identifica mais de 750 empresários suspeitos de receber irregularmente o Bolsa Família.

O Ministério Público Federal (MPF) identificou cerca de 856 beneficiários do programa Bolsa Família, suspeitos de não cumprir os requisitos econômicos estabelecidos pelo governo federal, para receber os recursos, em Imperatriz – MA.
Segundo o Raio-X Bolsa Família, projeto de iniciativa do MPF, de 2013 a maio de 2016, foram identificados 856 perfis suspeitos (3,24%), que receberam aproximadamente R$ 3.372.865,00 (três milhões, trezentos e setenta e dois mil, oitocentos e sessenta e cinco reais), só no município de Imperatriz – MA.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Os casos suspeitos foram identificados por meio da ferramenta de inteligência desenvolvida pelo Ministério Público Federal a partir do cruzamento de dados públicos fornecidos pelo próprio Governo Federal, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pela Receita Federal e pelos Tribunais de Contas estaduais e municipais.
Ainda de acordo com os dados do Ministério Público Federal (MPF). A cidade de Imperatriz lidera o ranking estadual, por receber os maiores valores suspeitos dentre todas as cidades do Maranhão. 
De acordo com o diagnóstico divulgado pelo MPF por meio do projeto Raio-X Bolsa Família, dos 856 suspeitos de receberem irregularmente o beneficio na cidade de Imperatriz – MA, 797 são empresários que receberam mais de 3 milhões reais irregularmente do programa do Governo Federal.
O diagnóstico apontou grupos de beneficiários com indicativos de renda incompatíveis com o perfil de pobreza ou extrema pobreza exigido pelas normas do programa. Os perfis suspeitos foram classificados em cinco grupos: falecidos; servidores públicos com clã familiar de até quatro pessoas; empresários; doadores de campanha; e servidores doadores de campanha (independentemente do número de membros da família). Confira a abaixo os perfis dos suspeitos de receberem irregularmente o beneficio.

IMPERATRIZ: MPF identifica mais de 750 empresários suspeitos de receber irregularmente o Bolsa Família. 1

IMPERATRIZ: MPF identifica mais de 750 empresários suspeitos de receber irregularmente o Bolsa Família. 2

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *